Versalhes além do Palácio e dos Jardins

Além do Palácio de Versalhes e seus jardins, o Domίnio de Versalhes reúne o palacete de mármore, chamado Grand Trianon e o Domίnio de Maria Antonieta: o Petit Trianon, os Jardins da Rainha e o Vilarejo da Rainha.   

Em uma visita clássica de Versalhes, de meio perίodo, cerca de 4 horas, é possivel fazer apenas o circuito de visita do Palácio de Versalhes e de parte de seus extensos jardins.

versalhes-palacio-e-jardins

Visita clássica de Versalhes : O Palácio e os Jardins

O Palácio de Versalhes está entre os mais ilustres monumentos do patrimônio mundial e constitue a mais bela e mais completa realização da arte francesa do século XVII. Luίs XIV dedicou cerca de 50 anos de seu reinado na edificação do castelo, onde instalou a sede do Governo, a partir de 1682. O circuito clássico de visita do Palácio inclui a Capela real e a excepcional Galeria dos Espelhos.

versalhes-opera
Capela Real de Versalhes

versalhes-galeria-dos-espelhos
Galeria dos Espelhos

Os Jardins de Versalhes foram planejados por André Le Nôtre, jardineiro-paisagista oficial do reinado de Luίs XIV. Le Nôtre é o grande nome por trás da concepção do tradicional  jardim « à francesa », marcado por uma simetria perfeita, alamedas, bosques, bacias, fontes, espelhos d’água e mais de 200 estátuas, que  fazem dos jardins do « Rei Sol », um dos mais extraordinários do mundo.

jardins-de-versalhes

versalhes-jardins

O que visitar em Versalhes em 1 dia

Quem dispõe de 1 dia inteiro em Versalhes terá tempo para visitar além do Palácio e dos jardins, os palacetes Grand Trianon e Petit Trianon e o Vilarejo da Rainha.

O Grand Trianon foi construίdo pelo arquiteto Jules Hardouin-Mansart em 1687 no local do antigo « Trianon de Porcelana », que Luίs XIV tinha encomendado em 1670 para seu lazer e para desfrutar de mais intimidade e discrição ao lado de sua amante oficial, a « favorita » Madame de Montespan. O Grand Trianon é sem dúvida, uma das construções mais refinadas de todo o Domίnio de Versalhes. O palacete de mármore rosa  também chamado « Trianon de mármore » tem proporções elegantes, inspiradas da  arquitetura italiana e é aberto diretamente para seus jardins à francesa.

grand-trianon-1

grand-trianon

Já no Dominio de Maria Antonieta, o Petit Trianon e seu parque estão diretamente ligados à memόria da emblemática rainha, que foi a única a impor seu gosto pessoal a Versalhes. Oferecido a ela em 1774 por Luίs XVI, Maria Antonieta encontrou no Petit Trianon um porto de tranquilidade e de intimidade para se afastar do rίgido protocolo do Palácio. No estilo neo-clássico e perfeitamente preservado, o Petit Trianon traduz fielmente o refinamento e a fantasia da arte de viver e do pensamento do século XVIII.

petit-trianon-ma

petit-trianon-maria-antonieta

O palacete conserva o retrato mais célebre da Rainha, Maria Antonieta com a rosa, pintado por sua artista favorita, Madame Elisabeth Vigée Le Brun.

antonieta-retrato

Os arredores do Petit Trianon oferecem um passeio belίssimo em meio aos jardins da rainha onde  estão plantadas árvores centenárias e até  seculares. O charme desse entorno é completado pelo Templo do Amor, templo circular de estilo clássico.

petit-trianon-jardim
Acácia do Japão plantada em 1774

petit-trianon-temple-amour
Templo do Amor

O “Vilarejo da Rainha” (Hameau de la Reine), construίdo entre 1783 e 1785, foi encomendado pela prόpria rainha Maria Antonieta. Além de um lindo lago, possui um moinho, casas em estilo normando (que incluem a casa da rainha, leitaria, queijaria, a casa do jardineiro … hortas, videiras, pequenos jardins e diversos animais. A aldeia idίlica de Maria Antonieta era onde ela experimentava os prazeres simples da vida no campo.

Com os filhos e cercada por damas de companhia, Maria Antonieta costumava se refugiar em seu vilarejo para desfrutar do charme e tranquilidade da vida campestre e fugir da formalidade da etiqueta da Corte de Versalhes. O lugar parece ter saίdo de cenário de filme !

petit-trianon-vilarejo

petit-trianon
O Vilarejo da Rainha com as cores do outono

Seja para uma visita clássica do Palácio e Jardins ou para uma visita de todo o Domίnio do « Rei Sol », Versalhes é um destino cultural surpreendente a ser visitado quantas vezes for possίvel.

Fiquem de olho no Snapchat #beminparis Estou sempre mostrando nossa visita guiada em Versalhes por lá!

Funcionamento:

O Palácio de Versalhes abre de terça a domingo, das 9h00 às 18h30.

Fechado : Toda segunda-feira e nos feriados de 1° de janeiro, 1° de maio e 25 de dezembro.

O Grand Trianon e o Domίnio de Maria Antonieta, abrem nos mesmos dias, das 12h às 18h30

Os Jardins de Versalhes são abertos gratuitamente todos os dias, das 8h00 às 20h30. Attention ! A entrada dos jardins é cobrada em dias de espetáculos diversos (Espetáculo das Águas, Grandes Águas Musicais, etc)

Ē recomendável consultar os horários e dias de abertura antes de programar a visita.

Conheça também :

A trajetόria de Elisabeth Vigée Le Brun, pintora oficial de Maria Antonieta (Neste link)

A Galeria das Carruagens nas Cavalariças de Versalhes (Neste link)

Paris conta com mais de duzentos museus. Conheça detalhes de alguns deles em nosso perfil  @museusdeparis.

Não fique desconectado em Paris! Consulte os planos disponíveis de telefonia e internet internacional.

Post escrito por:
Edis Lima

Edis Lima

Guia Cultural e Life Coach credenciada na França. Fundadora e Diretora da Bem in Paris, apaixonada por compartilhar sobre arte e cultura francesa.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Compartilhe no seu perfil:
Facebook
Twitter
LinkedIn
plugins premium WordPress