Exposição Pompeia no Grand Palais

afrescos de Pompeia

Com a pandemia, as exposições de 2020 ficaram comprometidas. Felizmente, o Grand Palais pôde abrir por uns meses e nesse intervalo fui conferir a exposição Pompeia, uma das mais esperadas da temporada.

Fiquei impressionada com os efeitos especiais, que davam mesmo a sensação de imersão na antiga cidade de Pompeia e de por alguns instantes, se colocar no lugar daquele povo no momento da erupção do Vesúvio. O barulho, as imagens, a iluminação das salas, tudo foi programado para que visitante da exposição pudesse mesmo fazer essa volta no tempo.

Mostrei a exposição Pompeia nos Stories do perfil @beminparis no Instagram e muitos dos seguidores comentaram ter estado no sítio arqueológico de Pompeia e reviveram um pouco da viagem através dos videos que fiz.

Pompeia: antes de depois da erupção do Vesúvio

Pompeia foi uma cidade do Império Romano situada a 22 km da cidade de Nápoles, na Itália, no território do atual município de Pompeia. A antiga cidade foi destruída durante uma consequente erupção do vulcão Vesúvio no ano 79, que provocou uma intensa chuva de cinzas soterrando inteiramente a cidade. Foi Carlos III da Espanha quem lançou a primeira campanha de escavações arqueológicas em Pompeia em 1748. Desta época até a metade do século XX, dois terços da superfície original da cidade foram descobertos.

Exposição Pompeia no Grand Palais

Cinzas e lama protegeram as construções e objetos dos efeitos do tempo, moldando também os corpos das vítimas, o que fez com que fossem encontradas do modo exato como foram atingidas pela erupção. Desde então, as escavações proporcionaram um sítio arqueológico extraordinário, que possibilita uma visão detalhada na vida de uma cidade dos tempos da Roma Antiga.

Em 2017, novas escavações foram organizadas com o objetivo de proteger as margens dos espaços ainda inexplorados e novos vestígios foram encontrados. Parte dos objetos expostos nessa exposição do Grand Palais são oriundos dessas escavações recentes.

Pompeia objetos encontrados

Classificada como Patrimônio Mundial pela UNESCO, juntamente com Herculano e Torre Annunziata, Pompeia é uma das atrações turísticas mais populares da Itália.

Como o Vesúvio destruiu Pompeia

O Vesúvio entra em erupção após oito séculos de inatividade. Em apenas 30 horas, ele jorra sobre Pompeia e arredores aproximadamente 4 km³ de pedras e de cinzas.

Segundo historiadores, dias antes da erupção, alguns tremores de terra teriam sido sentidos pelas comunidades instaladas perto do vulcão, sem que a população pudesse prever tal erupção, quando na época aquela montanha era vista simplesmente como uma montanha sagrada.

As escavações arqueológicas permitiram identificar traços extraordinários da vida cotidiana de Pompeia, como joias, esculturas, cerâmicas, testemunhos das vidas interrompidas pela erupção em 79 d.C., como sugerem as últimas descobertas.

Pompeia vasos antigos

Os incríveis afrescos de Pompeia

O grande número de afrescos encontrados nos muros das casas de Pompeia representa não somente uma oportunidade única de estudo da pintura no mundo romano e de sua evolução no tempo, como também a oportunidade de descoberta de toda uma liguagem de símbolos e de imagens que permitem entender a identidade cultural daquela população.

afrescos de Pompeia

Mulher romana: autocuidado e beleza

A mulher romana dava grande atenção aos cuidados com o corpo e com a beleza em si. Para valorizar os traços do rosto, a maquiagem e os penteados eram escolhidos cuidadosamente e, incrementados com laços, pérolas, diademas e brincos dourados.

Elas também cuidavam de como se vestiam : túnicas, chales e vestes em tecidos refinados, às vezes, com cintura marcada, acessórios luxuosos, de joias deslumbantes em ouro e pedras preciosas, tais como, esmeralda e pérolas.

Exposição Pompeia no Grand Palais
Exposição Pompeia no Grand Palais

Voilà ! a exposição Pompeia no Grand Palais fez grande sucesso no curto período em que pôde ser aberta ao público francês, que coincidiu com período de fechamento das fronteiras da França para o turismo internacional.


CURSOS ON-LINE: ARTE E CULTURA NA SUA CASA 

Continue ampliando seu conhecimento através de cursos on-line promovidos pela @beminparis.

Você ama história da arte e cultura francesa, é iniciante ou quer aprofundar seus conhecimentos de onde você estiver, esta oportunidade é para você.

Os cursos são planejados e apresentados pela Guia Cultural Edis Lima, formada como Conferencista Nacional na França, com dez anos de experiência como Guia Cultural em Paris em museus como o Louvre, o museu d’Orsay, Centro Pompidou, Castelo de Versalhes e outros.

Preencha o formulário e seja o primeiro a ser informado sobre nossos cursos on-line, enriquecendo seus conhecimentos e repertório, direto de sua casa. Clique aqui.

Paris conta com mais de duzentos museus. Conheça detalhes de alguns deles em nosso perfil  @museusdeparis.

Não fique desconectado em Paris! Consulte os planos disponíveis de telefonia e internet internacional.

Post escrito por:
Edis Lima

Edis Lima

Guia Cultural e Life Coach credenciada na França. Fundadora e Diretora da Bem in Paris, apaixonada por compartilhar sobre arte e cultura francesa.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Compartilhe no seu perfil:
Facebook
Twitter
LinkedIn
plugins premium WordPress